Receita para levantar o sistema imunológico

18 de março de 2020



Nesse momento, é natural que uma das maiores preocupações de todos seja manter a imunidade fortalecida. A chef do Vegan Vegan, Thina Izidoro, tem uma dica de receita para fazer em casa que é simples e poderosa: Sopa de Missô com Gengibre.

Sopa de missô (Reprodução da internet)

Corte 3 rodelas de gengibre, ferva em uma xícara e meia de água. Depois desligue o fogo e dissolva uma colher cheia de chá de missô e cebolinha verde picada. Se quiser, pode colocar alho que é um antibiótico natural.

Gengibre: ameniza sintomas de gripes e resfriados (Foto: Patricia Alves Dias)

O missô, que no Japão é consumido como o nosso cafezinho, é uma pasta de soja fermentada, acrescida de cereal (pode ser arroz, trigo ou cevada) e sal.

Sua fermentação ocorre tradicionalmente num barril de madeira, por três anos. Nesse processo formam-se as enzinas, que são proteínas vivas – os probióticos – que ajudam a repor a flora intestinal. O missô tem várias propriedades medicinais, uma delas é atuar nas vias respiratórias limpando os pulmões.

Alho, que é um antibiótico natural, também cai bem nessa receita (Foto: Adriano Gadini -Pixabay)

Já o gengibre acelera o processo digestivo e ameniza os sintomas de gripes e resfriados. Além de conter propriedades anti-inflamatórias e analgésicas.

De acordo com a milenar medicina chinesa, os órgãos do corpo mais sensíveis durante o outono – que começa no final dessa semana – são o pulmão e o intestino grosso, o que reforça a importância do missô, explica a chef do Vegan Vegan, que é nutricionista especializada em dietética chinesa.

Por último, muita atenção na hora de comprar missô. É que algumas marcas, além de usar soja transgênica, incluem na composição o glutamato monossódico – ingrediente altamente cancerígeno usado para acentuar o sabor, uma vez que no processo industrial o missô não fica em barril de madeira, mas de plástico, e não fermenta por três anos (para acelerar esse processo, inclusive, são colocados açúcar e caramelo).

Por isso, Thina recomenda três marcas de missô: Daimaru, Família Hattori e Ecobrás (que representa uma marca importada).

Vale dizer que o prazo de validade do missô só existe na embalagem por exigência da Anvisa. Na verdade, quanto mais velho, melhor, pois o processo de fermentação continua. Uma vez aberto, o missô não deve ficar na geladeira. Isso interromperia o processo de fermentação (ainda que os nutrientes não se percam).

ESCRITO POR

Vegan Vegan

Criado em 2004, o Vegan Vegan é mais que um restaurante 100% vegetariano. É também um espaço para debater a alimentação vegana, seus princípios e benefícios para a saúde.